g2h

level

quinta-feira, 5 de março de 2020

Tipo de pincel

Os tipos e formatos de pincéis

Cerdas naturais/pelo de porco: Utilizada para fazer o fundo da tela, como céu, matas, montanhas e preenchimentos da primeira camada em geral.

Cerdas naturais/pelo de marta: Ideal para acabamentos e traços que exigem precisão e delicadeza, onde é necessário ter maior cuidado para execução dos detalhes.

Cerdas sintéticas: São destinados para acabamentos ou etapas que não exigem muito tempo de trabalho.

Formatos:

Cerdas planas: São ideais para pintar grandes áreas, como a primeira camada, e também elementos quadrados, de ângulos retos.

Cerdas quadradas: São recomendadas para áreas grandes, mas em áreas menores e que exigem menor quantidade de tinta, já que o seu formato não permite um grande acúmulo de tinta no pincel.

Cerdas arredondada: Ideal para formas arredondadas e que exigem mais movimento durante a sua criação.

Cerdas redondas: Ideais para pontilhados, tracejados e linhas finas, de preferência em formas arredondadas e com mais movimento.

Cerdas do tipo leque: São destinados para executar efeitos específicos durante a pintura. Como a maioria desses efeitos não são muito comuns, e muitos artistas não o fazem, o uso desse tipo de pincel também é reduzido.

Postagens populares